quarta-feira, 1 de março de 2017

Anapneo

Sonho como não deveria.

Deveria ser assim:

Da forma diferente de agora
Uma trilha na montanha leva pra cabana reclusa
Lá dentro não tem tristeza nem ansiedade

A gente olha pro mar e não sente saudade
De quem a gente é agora porque não sabe como é
Estar longe do que a gente não quer ser.

A gente anda na praia de mãos dadas
Com a sombra de quem completa nossas falhas
(Sem que as falhas voem para lá)
E sonha com o dia sem incômodo.
E com o dia sem gente,
Só com a gente.

O incômodo sem incômodo é incômodo menor
Não é assim tão mais cômodo?

Mas em um mundo sem tormento
Não há a beleza de movimento
A paz que eu espero desta parte
É a paz do constante envolvimento
Com o caos que envolvo esta arte.

Deveria ser, é assim:

Uma montanha erupta morro acima
Uma trilha para uma caverna confusa
Lá dentro não tem luz, nem felicidade.

Nenhum comentário: