sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Contraponto

Contraponto

Vivemos dois tempos diferentes

Um enquanto o mundo se acaba em caos, discórdia e ignorância
E outro no tempo dos amantes

Nenhum comentário: