sábado, 9 de junho de 2012

Sobre Inveja

Sempre achei medíocres as pessoas que ficam preocupadas com a inveja alheia, talvez por eu ter uma mente tão ocupada com coisas mais importantes que não me parece que tal coisa, inveja, possa existir para mim. É foda... hoje comecei a entender um pouco disso e realmente dói. Não é medíocre quem foge da inveja, medíocre é quem vive em função disso. 

Para estas pessoas eu só preciso dizer: procurem algo melhor para fazer da vida. Ninguém cultiva nada esperando que a horta do vizinho seja destruída. Essa de distorcer verdades porque você não tem amor próprio pra contribuir com sua própria vida, isso é muito pobre, pequeno. Vivemos num universo muito vasto. O que faz sua atitude e sua opinião parecerem tão fundamentais assim?

Se precisar de ajuda, conselhos, eu sou ótimo pra isso, faz parte do meu ser querer ajudar os outros, da melhor maneira possível, mesmo tendo a certeza de que nunca me agradecerão por isso. Sem ressentimentos. Mas não espere a destruição de pessoas boas que também cometem erros. Isso não é legal e de acordo com a crença comum, aquele Deus parece não achar isso grandioso.

Engraçado que questionam a ética de um ateu, um agnóstico ou até mesmo de um Deísta. Atribuem o mal do mundo aos incomuns, aos questionadores. Estas pessoas tementes a Deus não temem então conviver com uma consciência tão suja assim? Tirem Deus desta história. Segundo a história de sua bondade, Ele é grandioso demais pra isso.

Nenhum comentário: