quinta-feira, 5 de abril de 2012

XXX

O julgamento leviano nos priva de conhecermos pessoas extraordinárias. A padronização social proposta pela escola tradicional nos cega o entendimento de que cada pessoa é um ser humano profundo repleto de história e uma cultura próprias, e não um conceito.

Nenhum comentário: