domingo, 18 de setembro de 2011

Sem ponto sem pontuação

Poesia é uma viagem
De um lugar que não começa
Para outro que quando não termina

Nenhum comentário: