domingo, 4 de abril de 2004

Sonho

Fiquei com sono
Não me bateram à porta
Por respeito.


Peguei no sono
Não me bateram à porta
Por respeito

Adormeci
Não me bateram
A porta
Por despeito.